no title has been provided for this book
Inspirado na série de livros de Frank Herbert, Duna se passa em um futuro longínquo. O Duque Leto Atreides administra o planeta desértico Arrakis, também conhecido como Duna, lugar de única fonte da substância rara chamada de "melange", usada para estender a vida humana, chegar a velocidade da luz e garantir poderes sobrehumanos. Para isso ele manda seu filho, Paul Atreides (Timothée Chalamet), um jovem brilhante e talentoso que nasceu para ter um grande destino…

Com toda certeza Duna de Denis Villeneuve era um dos filmes mais aguardados de 2021, talvez o mais aguardado. Duna é uma readaptação do livro de mesmo nome escrito por Frank Herbert, em 1984 a obra foi adaptada pelo o diretor David Lynch, que hoje é considerado um clássico. Duna de 2021 é sem sombra de dúvidas um dos filmes com a fotografia mais bonita que você vai ver, Greig Fraser faz um trabalho incrível junto com Vileneuve.

A fotografia com ângulos abertos muito bem enquadrados faz parecer que cada cena é um quadro pintado a mão, o filme é repleto de coisas com escalas gigantes desde as naves, aos vermes do deserto, isso deixa a direção ainda mais complicada já que tem que fazer os atores interagir com tudo isso, mas isso não pareceu ser uma dificuldade pois tudo em tela é bem real, os atores e todos os efeitos visuais estão bem conectados.

Duna veio com um peso muito grande, que é agradar os fãs do livro e conseguir cativar novos fãs e tendo que conseguir fazer dar certo para que possamos ver a conclusão dessa história, pois o filme foi feito para ser dividido em duas partes. Villeneuve vai conseguir agradar boa parte dos fãs do livro já que o diretor consegue passar bem a sua mensagem e consegue explicar de forma satisfatória alguns assuntos bem complexos. Quanto aos novos fãs, talvez seja um pouco mais complicado, o filme é lento assim como a história do livro, porém, o filme parece um longo e cansativo desenvolvimento, mas um filme precisa se bastar sem sua sequência ou conhecimento prévio do público.

Duna tem um final que gera muita curiosidade, você fica querendo saber o futuro de Paul (Timothée Chalamet) e Chani (Zendaya), mas a difícil tarefa de agradar a gregos e troianos juntando o fato que o filme vazou na internet e com o que o diretor falou sobre as produções da Marvel, isso tudo pode atrapalhar o futuro da franquia que pode acabar sendo enterrada.